Filiado á:
 
     

Federação Interestadual dos
Trabalhadores nas Indústrias da Extração, Pesquisa e Prospecção
de Minérios e Metais Básicos, Metálicos e Não Metálicos - FITEM

 


Poluição nas praias

Derramamento de petróleo em praias brasileiras é tema de audiência amanhã


sem imagem

A Comissão de Minas e Energia da Câmara dos Deputados avalia nesta terça-feira (22) o derramamento de petróleo ocorrido no litoral do Nordeste.

Segundo o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), desde o dia 2 de setembro, manchas de petróleo se espalharam por nove estados nordestinos: Alagoas, Bahia, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio Grande do Norte e Sergipe.

Até sábado, 201 localidades de 74 municípios já tinham sido atingidos.

Os deputados do DEM que pediram a realização da audiência, Pedro Lupion (PR) e David Soares (SP), lembram que o petróleo que está poluindo todas as praias é o mesmo: petróleo cru de origem ainda não identificada.

Ao participar de uma audiência pública realizada pela Comissão de Fiscalização Financeira e Controle da Câmara dos Deputados no último dia 8, o presidente da Petrobras, Roberto Castello Branco, disse que análises laboratoriais confirmaram que a substância não provém da produção da estatal petrolífera.

Segundo o Ministério do Meio Ambiente, essas análises indicam que as amostras são compatíveis com o tipo de petróleo produzido na Venezuela. A hipótese foi corroborada por pesquisadores da Universidade Federal da Bahia (UFBA).

Ontem, a Marinha informou que mais de 525 toneladas de resíduos foram retiradas das praias.

Debatedores

Foram convidados para discutir o assunto representantes dos seguintes órgãso:

 - Ministério do Meio Ambiente; - Ibama; - Marinha do Brasil; - Agência Nacional do Petróleo; - Petrobras; e - Greenpeace.

A audiência será realizada a partir das 10 horas, no plenário 14.

Da Redação - ND

          

[+] Veja mais noticias              Voltar para página inicial